quinta-feira, 29 de junho de 2017

IDOSA QUE MORA EM GURUPI TEVE 24 FILHOS E COMEMORA 105 ANOS COM FESTA DE ANIVERSÁRIO. ARAGUAÍNA NEWS


Vovó de 105 anos tem mais de 100 netos, bisnetos e tataranetos (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Vovó centenária mora em Gurupi,No Tocantins, onde outra idosa comemorou 110 anos neste mês de junho. Mulheres são exemplos de longevidade.

Chegar aos 100 anos é para poucos, mas imagine comemorar o 105º aniversário. Fidelcina Pereira da Costa é um exemplo de longevidade. Ela nasceu em 1.912 e tem 24 filhos e mais de 100 netos, bisnetos e tataranetos. Mas não é só ela. Na mesma cidade, em Gurupi, sul do Tocantins, outra vovó completou 110 anos. A dona de casa Francisca Joana da Conceição nasceu no ano de 1.907 e está vendendo saúde. Conversa e anda por todo lado. As duas ganharam uma festa de aniversário da família para celebrar a vida. 
Dona Fidelcina festejou o aniversário ao lado da família, mas nem todos puderam comparecer. A vovó nasceu em Encruzilhada, na Bahia, em 23 de junho de 1.912. Ela chegou ao Tocantins na década de 1970. "Ela significa vida. Para mim, ela pode viver por mais 10 ou 20 anos. É tudo o que eu quero. O maior prazer da minha vida é ter ela aqui", disse o filho da idosa, João Pereira.
O desejo dos descendentes é que esta longevidade seja hereditária, mas alguns acreditam que não vão viver por tanto tempo. "Acho que não chego aos 105 anos. Só Deus sabe. Do jeito que a gente come as coisas hoje em dia", brincou o neto Cristiano de Jesus.
Mas não foi só a dona Fidelcina que passou dos 100 anos. Na cidade, outra moradora ganhou uma festa de aniversário, a dona Francisca. Os 110 anos estão comprovados no documento de identidade. A família diz que ela nasceu em 24 de junho, mas só foi registrada dias depois, no dia 4 de julho de 1.907.
Para celebrar a vida da vovó centenária, os parentes se reuniram para fazer uma festa de aniversário. O que não faltou foi emoção. “Eu não separo dela hora nenhuma, de jeito nenhum. Todo tempo juntas. Para mim, a maior riqueza é ela”, diz uma das filhas, Maria José Pereira Cabral.
A vida da dona Francisca, mais conhecida como Dona Moça, não é só festa. Ela passa a maior parte do dia cuidando das plantas que ela tem em casa e varrendo a calçada. Vitalidade de sobra. Só senta para contar histórias. Ela é de Icó, no Ceará, e chegou ao Tocantins quando o estado ainda fazia parte do território goiano. "Aqui só era mato. Cheguei com os meus filhos e o marido".
Vovó de 110 anos é exemplo de longevidade (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Mas qual é o segredo de viver tanto tempo? A médica especialista em saúde na terceira idade, Érica Cantão, disse que uma boa alimentação é essencial para viver bem. "Se uma pessoa tem uma má alimentação, se não tem uma boa imunidade, as doenças já começa a aparecer".
Dona Francisca festejou com os parentes o aniversário de 110 anos  (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)



Por TV Anhanguera

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com