sexta-feira, 9 de junho de 2017

TOCANTINS ESTÁ EM 2º NO RANKING DE QUEIMADAS COM MAIS DE 1,4 MIL FOCOS. ARAGUAÍNA NEWS

  

Tempo seco e incêndios contribuem para o surgimento de doenças respiratórias. Defesa Civil afirma que está preparando os municípios com medidas preventivas.

Tocantins ocupa segundo lugar em ranking nacional de queimadas (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Tocantins ocupa segundo lugar em ranking nacional de queimadas (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
O Tocantins ocupa o segundo lugar no ranking nacional de queimadas do Brasil, com mais de 1,4 mil focos de incêndio. Os dados são do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. O período da estiagem começou recentemente, no entanto as queimadas estão causando problemas para o meio ambiente e para a saúde da população.
Nesse período do ano é comum encontrar pequenos focos em lotes ou terrenos abandonados que podem se tornar grandes incêndios. Essa ação é considerada crime ambiental, podendo resultar em prisão de seis meses há um ano ou até mesmo no pagamento de multa.
O major Diógenes Madeira, diretor executivo da Defesa Civil do Tocantins, explica que as condições climáticas e as dimensões geográficas do estado, entre outros fatores, dificultam o combate ao fogo.
"Ainda estamos no início [do período de queimadas], ali para meados de julho esses focos vão para acima de cinco mil. A nossa grande preocupação agora é trabalhar a parte preventiva, preparando os municípios e as brigadas para que a gente consiga dar uma resposta satisfatória a essa questão que é uma questão ambiental também", afirma.
Doenças respiratórias se tornam mais frequentes nessa época do ano devido ao tempo seco. Com o alto número de queimadas a situação se torna ainda mais complicada, como conta a aposentada Madalena Vieira, que tem asma e precisou recorrer ao hospital. "Tenho muita asma e enfisema, com esse tempo de poeira e fumaça está ruim demais."
O pneumologista, Jesian Aguiar, aconselha que maiores cuidados sejam tomados pela população durante o tempo seco. "Aqueles pacientes que já tem qualquer doença pulmonar, isso se potencializa ainda mais nessa época do ano, chegando ao ponto de agravar o quadro e evoluir para doenças graves e até mesmo para morte."
O especialista recomenda que as pessoas que sofrem com doenças respiratórias evitem atividades físicas pesadas entre às 9h e 16h. Também é preciso beber muita água e ter sempre acompanhamento médico.

G1 To

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com