quinta-feira, 17 de agosto de 2017

FURTO E FRAUDES DE ENERGIA CAUSAM PREJUÍZO DE R$ 68 MILHÕES NO TOCANTINS. ARAGUAÍNA NEWS


Mais de 6 mil autuações foram feitas pela concessionária de energia só no mês de julho de 2017. Desde o início do ano, 13 pessoas foram presas em flagrante no Tocantins.


Consumidores pagam 6% do valor da tarifa para compensar as perdas (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)
Consumidores pagam 6% do valor da tarifa para compensar as perdas (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)


O prejuízo com o furto e as fraudes de energia elétrica no Tocantins alcançaram o total de R$ 68,8 milhões em 2016. Deste valor, R$ 21,7 milhões em ICMS deixaram de ser repassados aos cofres públicos. Os dados foram divulgados pela concessionária de energia do estado, a Energisa.
Um comparativo feito pela empresa mostra que os casos de furto e fraudes vem crescendo no estado. Em julho de 2016 foram 3.829 autuações e no mesmo período deste ano o número cresceu para 6.079.
"Furto de energia é puxar energia diretamente da rede elétrica, sem o conhecimento e a autorização da distribuidora. São os conhecidos 'gatos'. Fraude é quando o consumidor rompe os lacres da sua medição e manipula o consumo do seu relógio", explicou o gerente de recuperação de energia, Helier Eurico Fioravante.
Os gatos também são caso de polícia. Entre janeiro e julho deste ano, a Delegacia de Repressão a Crimes contra Concessionárias Prestadoras de Serviços Públicos (Derfae) abriu 1.522 inquéritos para investigar este crime.
No mesmo período, conforme a Energisa, 13 pessoas foram presas em flagrante. A pena para furto e fraudes, estelionato, pode chegar a quatro anos de reclusão.
"O furto de energia elétrica é um crime grave não só pelo grande prejuízo financeiro que causa, mas principalmente pelo risco que as ligações clandestinas causam a família do infrator e aos vizinhos, devido à possibilidade de causar incêndios", disse o delegado Elirio Putton Júnior.

Os consumidores que pagam as contas corretamente também são prejudicados. Isso porque os clientes de baixa tensão, casas e comércios, pagam 6% do valor da tarifa para compensar perdas da concessionária com os gatos.
Quando as fraudes são identificadas, o autuado tem que pagar os valores retroativos com multa. Além de ter o fornecimento de energia suspenso.
Para denunciar gatos, o consumidor pode ligar no telefone 0800-721 3330 ou enviar mensagens por meio do aplicativo da Energisa.

Fontet: G1 To

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com