quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

PORTO NACIONAL PEDE REFORÇO NA SEGURANÇA DO RÉVEILLON APÓS ONDA DE VIOLÊNCIA. ARAGUAÍNA NEWS


Cidade teve cinco assassinatos em menos de uma semana após cabo da PM ser morto em emboscada. Pedido foi feito ao comando da Polícia Militar e também à diretoria da Polícia 





Porto Nacional teve cinco assassinatos em uma semana (Foto: Reprodução/G1)
Porto Nacional teve cinco assassinatos em uma semana (Foto: Reprodução/G1)


A prefeitura de Porto Nacional, cidade a 52 quilômetros de Palmas, pediu reforço no policiamento da festa de Réveillon após uma onda de violência na última semana. O prefeito, Joaquim Maia (PV), se reuniu com o comando da Polícia Militar e com a diretoria da Polícia Civil na capital para oficializar o pedido e para expressar preocupação com a situação da cidade.
A cidade, de quase 50 mil habitantes, teve cinco homicídios desde a sexta-feira (22). As mortes começaram com o cabo da PM Rubim Monteiro Lopes sendo atacado a pauladas e pedradas e depois assassinado com tiros em uma emboscada na rua onde ele morava no setor Novo Horizonte.
O suspeito de matar o policial, Daniel Ferreira de Souza, também foi executado após a ambulância em que ele estava ser interceptada por um grupo de homens armados ainda não identificados. O crime foi na TO-050, enquanto ele era transferido para Palmas.
Os últimos crimes foram na noite da segunda-feira (25), quando três pessoas morreram e duas ficaram feridas em um tiroteio. Elas estavam sentadas na porta de uma casa no setor Tropical Palmas e foram atacadas por dois homens encapuzados que chegaram atirando.
Pedro Oliveira Filho, de 47 anos, foi atingido na cabeça e nas costas e morreu no local. O sobrinho dele, Douglas Alexandre Costa de Oliveira, de 22, levou um tiro na cabeça, chegou a ser levado para o Hospital Regional de Porto Nacional, mas não resistiu. Danilo Batista Rodrigues, de 16 anos, foi atingido na coluna e também morreu.
A festa da virada em Porto Nacional deve ser no Espaço Cultural Beira Rio, na orla da cidade. Bandas e cantores locais devem animar a festa que começa às 20h e deve ir até depois das 2h do dia 1º de janeiro. Na noite seguinte, as mesmas atrações voltam ao palco para comemorar a chegada de 2018.

G1 To

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com