quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

TOCANTINS REGISTRA MAIS DE 500 CASOS DE CÂNCER DE PELE EM QUATRO ANOS. ARAGUAÍNA NEWS


Números foram registrados entre 2014 a setembro deste ano. 'Dezembro Laranja' alerta para os perigos da exposição excessiva ao sol.



Exposição excessiva ao sol é um dos principais causadores do câncer de pele (Foto: Reproducao/TV Anhanguera)




Exposição excessiva ao sol é um dos principais causadores do câncer de pele (Foto: Reproducao/TV Anhanguera)

Em quatro anos, o Tocantins registrou 514 casos de câncer de pele. Os dados são da Secretaria Estadual da Saúde e se referem apenas àquelas pessoas que procuraram tratamento nos hospitais públicos do estado. Neste mês é realizada a campanha Dezembro Laranja, quando profissionais da saúde alertam para os perigos da exposição excessiva ao sol, principal causador deste tipo de câncer.
Este ano, de janeiro a setembro, o estado registrou 71 novos casos de câncer de pele. No ano passado, foram 112. Em 2015, o número registrado foi o de 151. Já em 2014, 180 pessoas contraíram a doença e procuraram a rede pública para fazer o tratamento.
A prevenção, que é feita principalmente por meio do protetor solar, deve ocorrer durante todo o ano, mesmo nos meses em que a chuva é predominante e o tempo fica mais nublado, como no mês de dezembro.
"A radiação solar ultrapassa 80% das nuvens. A gente atinge uma radiação ultravioleta muito alta mesmo com nuvens, com chuva, na sombra, então o uso de filtro solar deve permanecer ", explicou a dermatologista Camila Novak. 
A dermatologista afirma ainda que existem dois tipos de câncer. "Eles acometem todas as áreas da pele. A gente os observa através de uma ferida que não cicatriza, ou uma manchinha que cresce, uma pinta que faz ferida e que coça e que vem se desenvolvendo ao longo do tempo sem ter melhora".
Neste período de férias, quando muitas pessoas aproveitam para viajar em lugares que têm praia, o ideal é que a exposição ao sol seja evitada no horário entre 10h às 16h. "A exposição deve ocorrer antes ou depois desse horário e com toda forma possível de proteção, com chapéu, boné, barraca, filtro solar. Esse ano, a campanha Dezembro Laranja pede que a gente se exponha, mas não se queime. A gente sabe dos benefícios do sol, sabe que produz vitamina D, que ele é anti-inflamatório, mas a gente pede para a pessoa não se queimar".
O filtro solar deve ser aplicado a cada três ou quatro horas em dias normais e a cada duas horas em dias de exposição ao sol, recomendou a dermatologista.
G1 To

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com