quarta-feira, 4 de julho de 2018

CÁRMEN LÚCIA ASSINA ACORDO PARA AMPLIAR ATENDIMENTO A MULHER VÍTIMA DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA. ARAGUAÍNA NEWS


Em parceria com o Conselho Federal de Psicologia, objetivo é aprimorar atendimento psicológico as vítimas

Foto: Gil Ferreira/Agência CNJ

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia, assinou nesta quarta (4) um protocolo, junto ao presidente do Conselho Federal de Psicologia (CFP), para ampliar e aprimorar o atendimento psicológico a mulheres vítimas de violência doméstica e familiar.
O acordo prevê a cooperação entre o CNJ e o CFP em parcerias entre as Coordenadorias da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar dos Tribunais de Justiça e serviços-escola de psicologia para promover assistência psicológica às mulheres vítimas desse tipo de violência.
A ministra destacou casos em que o juiz determinou o acompanhamento psicológico para agressores de mulheres. “Muitos homens consideram a esposa sua propriedade, acham normal agredi-la e não sabem que estão fazendo uma coisa errada. Podemos construir juntos algo transformador para a sociedade”, completou.
Em 2017, o CNJ instituiu a Política Judiciária Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres, por meio de uma portaria que tem como objetivo viabilizar o atendimento integral e multidisciplinar às mulheres e respectivos dependentes em situação de violência doméstica e familiar.

Diário do poder 

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com