quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Com orçamento proposto pelo governo, CNPq só garante bolsas até setembro de 2019. Araguaína News


Para funcionamento mínimo, representante da instituição garante que são necessários mais R$ 300 milhões

Foto: Pexels
O orçamento proposto para o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) só conseguem garantir seu o funcionamento da instituição até setembro do próximo ano, afirmou o representante do CNPq Marcelo Morales.
Durante a comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática da Câmara dos Deputdos, Morales afirmou que são necessários mais R$ 300 milhões para garantir o funcionamento mínimo da agência, somando R$ 1,3 bilhão de orçamento total.
Mesmo assim, o representante do CNPq declarou que o montante ainda não é satisfatório, isso porque — mesmo com o aumento no pedido de financiamento de projetos — a instituição continua com o mesmo orçamento de R$ 200 milhões. Em cinco anos, o número de propostas passou de 16 mil para 23 mil.
Outro desafio enfrentando pela instituição — que é responsável por 72,8 mil bolsas de estudos e pelo financiamento de projetos de pesquisas em todo o país — é na área de internacionalização. Os pedidos atendidos para pesquisadores fazerem estágio no exterior caiu de 30% para 4% em cinco anos.
Não foi só o CNPq que se pronunciou em relação ao contingenciamento de verbas na área de Ciência e Tecnologia. Também neste ano, a Coordenação de Aperfeicoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgou uma carta afirmando que suas atividades poderiam ser afetadas pelo corte orçamentário.
Após o alerta, o orçamento foi recomposto pelo menos para este ano. A Capes atua na expansão e consolidação da pós-graduação stricto sensu em todos os estados brasileiros. (Com informações da FolhaPress)

Sobre o Autor

Araguaina News

Autor & Editor

Araguaína News é uma página destinada a compartilhar informações com toda a comunidade de Araguaína e Região.

 
ARAGUAÍNA NEWS © 2015 - Editado por: Romilson Gomes | > Templateism.com